PM de Jaú prende rapaz após prática de roubo a mão armada

Às 00h30min de hoje a Polícia Militar de Jaú foi informada de que três mulheres, que haviam encerrado o expediente na lanchonete em que trabalham, haviam sido roubadas pela área central do Município, mais precisamente nas imediações do local conhecido como “cano torto”.

De acordo com as informações transmitidas pelas vítimas à Polícia, um indivíduo branco, magro, com capuz, blusa azul e calça jeans, chegou e em poder de uma arma anunciou o roubo, determinando para que elas retirassem os relógios e entregassem a bolsa. Após atingir o objetivo, o autor do roubo saiu pela Rua Tenente Lopes e seguiu em direção a outro ponto conhecido, denominado “beco”, imediações da Praça das Virgens.

As viaturas de Jau foram direcionadas ao local, para intensificarem o patrulhamento com vistas, visando dar uma resposta imediata a sociedade e ao patrulharem nas no entorno do ponto conhecido como “beco”, os militares avistaram um rapaz com as mesmas características, inclusive com uma touca na cabeça. Ao perceber a presença policial e imaginando que seria submetido a abordagem, o suspeito empreendeu fuga e foi abordado e preso pelo Sargento Jovair e Soldado Mariano, que além dos objetos roubados das três mulheres, apreenderam em poder do acusado uma touca ninja utilizada como capuz e um simulacro de arma de fogo. (Pistola de brinquedo idêntica a arma de fogo real).

O autor do roubo foi identificado por Fábio Meira Domingues, 31 anos, desocupado natural de Bauru, que atualmente caminhava e dormia pelas ruas de Jau, é possuidor de uma longa ficha criminal, havendo anteriormente quatro roubos, todos praticados contra mulheres, um furto e um porte de entorpecente, sendo bem provável que tenha participação em outros roubos ocorridos recentemente em Jau, todos a esclarecer.

A ocorrência foi apresentada no plantão policial e Fábio teve a voz de prisão em flagrante delito ratificada pelo Delegado de Polícia de plantão, que determinou seu imediato recolhimento à cadeia pública de Barra Bonita.

As vítimas prestaram depoimento e tiveram seus pertences restituídos, sendo posteriormente liberadas.

Participaram da ocorrência: Sargento Jovair, Cabo Libba e os Soldados Tadeu, Mariano e Coelho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *