Mauro libera obra noturna para ambulantes em praça do Centro

No último dia 29 de julho um decreto autorizando a construção de boxes para ambulantes na Praça Aprígio de Toledo, no Centro de Atibaia, foi assinado.

O decreto vem para firmar um suposto compromisso declarado por Mauro durante uma reunião realizada com ambulantes no último dia 27 de julho. A reunião foi gravada por um dos participantes que enviou o áudio da mesma a toda a imprensa local.

Essa reunião definiu que o pedido dos ambulantes será realizado por Mauro. Segundo o próprio Mauro afirmou durante a reunião. Compromisso é compromisso.

De acordo com o decreto, quem será responsável pela construção dos boxes, chamada de revitalização da praça, será a Aapat (Associação dos Artesãos da Praça Aprígio de Toledo). Também de acordo com o decreto a construção desses boxes fixos no local permitirá que os ambulantes trabalhem.

A obra será iniciada o quanto antes de acordo com a reunião. E para acelerar a conclusão, ambulantes acharam que realizar a construção no período da noite será o melhor caminho e questionaram isso a Mauro, que deu carta branca’ aos presentes na reunião.

Não tem impedimento nenhum de se fazer uma obra a noite. Mas se fizer algum barulho e um vizinho reclamar…, afirmou Mauro.

Um ambulante ficou animado com a autorização do prefeito e confirmou que a noite será mais fácil então para agilizarem a obra. Não tem problema pode ficar tranquilo, declarou Mauro.

O entorno da praça é composto na maior parte por imóveis comerciais, mas existem residências. O Atibaia News conversou com alguns moradores da região para saber a opinião quanto a obra e todos foram unanimes em dizer que uma obra a noite incomodaria muito. Então no momento que posso descansar na minha casa para trabalhar no dia seguinte, não vou poder, reclamou Ricardo, morador da José Pires. Espero que o barulho não chegue até aqui, concluiu.

Não acho certo uma obra a noite. Além do barulho, imagina a porcaria que vai ficar fazendo tudo no escuro. Ou eles têm muito dinheiro para contratar uma empresa preparada para uma obra noturna?, indagou José Antônio, morador do Centro.

A obra foi autorizada e deve começar nos próximos dias. A mesma foi autorizada por meio de decreto, que pode ser revogado a qualquer momento e não dá aos ambulantes garantias de que o local será utilizado por eles futuramente. Na verdade a gente vai construir isso aqui e pode ser que nada se resolva. Uma solução de verdade seria um projeto, com licitação, tudo direitinho, nos dando direitos, etc. Isso seria uma verdadeira garantia, um compromisso, declarou um ambulante que pediu para não ser identificado.

Mais árvores vão cair

Ainda na mesma reunião, discutindo a obra da praça, Mauro foi questionado sobre a necessidade de mexer em alguma árvore. Os ambulantes questionaram o que deveriam fazer caso uma árvore fosse retirada. Ai meu Deus, ironizou Mauro que continuou: Aí vão falar que o Mauro é da motoserra. Todos os presentes na reunião riram. Em seguida, Mauro afirmou que no local, duas árvores serão cortadas. Já podia começar com essa poda né Mauro, disse um ambulante.

Durante o governo de Mauro, muitas árvores foram cortadas em Atibaia e ele ficou com fama de não preservar áreas verdes na cidade, mesmo assim para concluir o assunto Mauro ironizou dizendo: A gente aproveita que vocês vão mexer lá e já dá uma geralzinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *