Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018
Início / Notícias / Entretenimento
Fonte:
14 de junho de 2014
De origem humilde à riqueza: veja 11 bilionários que eram pobres na infância
Postado por Lenix Barbosa

 

Fantasmas, crimes e até vídeos eróticos: veja a seguir uma lista com escândalos envolvendo algumas das pessoas mais ricas do mundo Arte/UOL

 

Algumas das pessoas mais ricas do mundo nem sempre ocuparam posições privilegiadas em rankings de fortunas. O site "Business Insider" listou algumas histórias de determinação de bilionários que venceram a origem humilde e se tornaram importantes personalidades, como a empresária e apresentadora Oprah Winfrey e o fundador da Oracle, Larry Ellison.

Confira abaixo quem são eles.

Howard Schultz, presidente da Starbucks
Patrimônio:
 US$ 2 bilhões
Em entrevista ao site "Mirror", Shchultz afirmou que cresceu em um conjunto habitacional. Sua vida começou a mudar quando ganhou uma bolsa de estudos na University of Northern Michigan e trabalhou em uma loja de Xerox após a graduação. Pouco tempo depois, ele assumiu a gerência da cafeteria Starbucks, que, na época, tinha apenas 60 lojas. Schultz tornou-se presidente da empresa em 1987, e expandiu a rede para mais de 16 mil pontos de vendas em todo o mundo.

Shahid Khan, empresário
Patrimônio:
 US$ 3,8 bilhões
Um dos homens mais ricos da atualidade passou por muitos contratempos quando deixou o Paquistão e foi para os Estados Unidos. Chegou a trabalhar como lavador de pratos enquanto frequentava a University of Illinois. Agora, Khan é dono da fabricante de peças Flex-N-Gate, além da Jacksonville Jaguars, da NFL, e do clube de futebol Fulham FC.

Kirk Kerkorian, empresário
Patrimônio: 
US$ 3,9 bilhões
Para ajudar nas contas de casa, Kerkorian abandonou a escola na 8ª série (atual 9º ano) para se tornar boxeador. Ele também se juntou à Royal Air Force (Força Aérea Britânica) durante a 2ª Guerra Mundial. Só depois ele voltou seu interesse para a construção de muitos dos maiores resorts e hotéis de Las Vegas, nos Estados Unidos.

Oprah Winfrey, empresária e apresentadora de TV
Patrimônio: 
US$ 2,9 bilhões
De origem pobre, Oprah ganhou bolsa de estudos da Tennessee State University e tornou-se a primeira mulher negra a ser correspondente da TV norte-americana, com 19 anos. Em 1983, ela se mudou para Chicago para trabalhar em um talk show, que mais tarde levaria o nome da apresentadora: "The Oprah Winfrey Show".

John Paul DeJoria, co-fundador da John Paul Mitchell Systems e da Patron Tequila
Patrimônio: 
US$ 4 bilhões
Antes de completar 10 anos, DeJoria já vendia cartões de Natal e jornais para ajudar a família. Ele foi adotado e fez parte de uma gangue antes de entrar para as Forças Armadas. Sua vida começou a mudar quando recebeu um empréstimo de US$ 700 para criar sua marca de cosméticos para cabelos, que vendia de porta em porta, enquanto vivia em seu carro.

Do Won Chang, fundador da Forever 21
Patrimônio: 
US$ 5 bilhões
Chang e sua esposa, Jin Sook, não tiveram uma mudança fácil da Coreia do Sul para os Estados Unidos, em 1981. Ele teve de trabalhar em três empregos ao mesmo tempo para cobrir as despesas: como faxineiro, frentista e atendente em uma loja de café. A sorte começou a mudar quando ele e sua esposa abriram a primeira loja de roupas em 1984.

Ralph Lauren, fundador da grife Ralph Lauren
Patrimônio:
 US$ 7,7 bilhões
Um dos mais importantes estilistas do século 20, Lauren já trabalhou como balconista na Brooks Brothers.

François Pinault, empresário
Patrimônio: 
US$ 15 bilhões
O dono do conglomerado de moda Kering já teve de sair da escola por sofrer intimidação de seus colegas por suas origens humildes, em 1974.

Leonardo Del Vecchio, fundador e presidente da Luxottica
Patrimônio: 
US$ 15 bilhões
Del Vecchio foi um dos cinco irmãos que foram encaminhados para um orfanato porque a mãe viúva não tinha condições financeiras de cuidar deles. Com o passar dos anos, ele trabalhou em uma fábrica de moldes de autopeças e de armações de óculos, até que, aos 23, Del Vecchio decidiu abrir a própria loja de fabricação de armações de óculos, a Luxottica, que viria a se tornar a maior do mundo.

George Soros, empresário
Patrimônio:
 US$ 20 bilhões
Um dos maiores homens de negócios do mundo sobreviveu à ocupação nazista da Hungria, ao fugir do país em que vivia em 1947, para Londres. Enquanto estudava na London School of Economics, trabalhou como garçom. Depois de se formar, Soros ainda passou por uma loja de souvenir antes de se tornar banqueiro em Nova York.

Larry Ellison, CEO e fundador da Oracle
Patrimônio:
 US$ 41 bilhões
Nascido no Brooklyn, em Nova York, Ellison foi criado por sua tia em Chicago. Depois que ela morreu, Ellison abandonou a faculdade e se mudou para a Califórnia, onde passou por diversos trabalhos temporários, por oito anos. Ele fundou a Oracle em 1977 e agora é o presidente mais bem pago do mundo.

 

UOL

Compartilhe

0 Comentários

Escrever Comentário



(não será divulgado)







 
© 2009 MS NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados