Segunda-feira, 26 de Agosto de 2019
Início / Notícias / Cultura
Fonte:
9 de agosto de 2013
Brasilândia realiza 1ª Conferência Municipal de Cultura
Foto: Moisés Viana

 O prefeito Jorge Diogo participou na manhã desta terça-feira (06), no Anfiteatro Ramez Tebet, da 1ª Conferência Municipal de Cultura de Brasilândia-MS. O tema que norteou os debates foi “Uma política para a cultura. Desafios do Sistema Nacional de Cultura”.

Na abertura, o público prestigiou apresentações culturais do Projeto Canta Brasilândia, das duplas Cidão da Viola e Curió, Paulo Vinícius e Edivan e do Projovem Adolescente.

Representando o Legislativo, o vice-presidente da Câmara, vereador Toninho, lembrou um projeto de lei do ex-vereador Carlito, de incentivo à cultura, com a formação de um fundo, que deveria ser mantido com parte da arrecadação de Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza, o ISSQN. E lamentou que, desde 2005, não houve nenhum avanço para colocar em prática esta ferramenta.

O prefeito Jorge Diogo destacou o entusiasmo de Carlito pela cultura de Brasilândia e disse que buscará alternativas de viabilizar a manutenção do Fundo de Cultura para incentivar a produção cultural da cidade. Sobre a conferência, o prefeito ressaltou que é um momento de interação e troca de ideias.

“Cada um pode dar opinião, debater e decidir o que é melhor para a cultura. Temos que traçar políticas públicas que beneficiem a todos. Esse é o momento que a população faz parte da administração na tomada de decisões”, disse.

Jorge Diogo lembrou de algumas ações culturais já realizadas pelo município neste ano, como o desfile cívico, a apresentação da Orquestra Jovem da Fundação Barbosa Rodrigues, o Circuito Dança no Mato e a estruturação da Fanfarra Municipal, que se apresentou e agradou a população no aniversário da cidade.

A secretária municipal de Educação, Débora Ladeia, presidiu a Comissão Preparatória para a Conferência de Cultura e falou durante a abertura do empenho do Governo Municipal em ouvir a população e lembrou do lema da administração “Construindo o futuro com você”. Para a secretária, é motivo de felicidade poder oferecer esse momento à população.

A palestra da conferência foi ministrada pela representante da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Giovana Ramos Auto. Após a palestra, o público foi dividido em grupos, que discutiram os seguintes eixos: I – Implementação do Sistema Nacional de Cultura; II – Produção simbólica e diversidade cultural; III – Cidadania e direitos culturais; e IV – Cultura com desenvolvimento sustentável. As propostas aprovadas serão encaminhadas para a fase estadual da conferência e podem chegar à Conferência Nacional de Cultura.

Também participaram da organização da conferência a secretária adjunta de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Aracy, e o diretor de Cultura Márcio Sicílio. Cerca de 100 pessoas participaram da conferência.

 

Rodrigo Mariano
Compartilhe

0 Comentários

Escrever Comentário



(não será divulgado)







 
© 2009 MS NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados