Quarta-feira, 21 de Novembro de 2018
Início / Notícias / Economia
Fonte:
7 de julho de 2018
Endividamento e indicador de inadimplência foram maiores em junho
Postado por Leni Barbosa

 

 No mês de junho, os índices de endividamento e de inadimplência de Campo Grande aumentaram na comparação a maio, conforme informações da PEIC (Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor), divulgada pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo).

 
"Em relação ao mês anterior, observamos um aumento no que diz respeito ao índice de famílias que estão com contas em atraso (2,8 p.p) e também para aquelas que não terão condições de pagar suas dívidas (3,5 p.p). Vale destacar ainda que dentre as principais formas de endividamento, o principal vilão continua sendo o cartão de crédito (62,5%), seguido por carnês (23,5) e financiamento de casa (15,1%). ” Explica o presidente do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Fecomércio-MS, Edison Araújo.

Em junho 53,5% das famílias informaram ter dívidas, frente aos 52,9% do mesmo período do ano passado. Já para as que disseram que estão com contas em atraso, esses percentuais foram, respectivamente, 32,9% e 28,5% e as inadimplentes subiram de 13,9% para 14,9%. Os indicadores de inadimplência assumem, assim, o maior índice desde dezembro do ano passado. "Fato que implica em um momento de cautela para que esses indicadores como o da inadimplência não aumentem ainda mais, uma vez que os impactos da greve dos caminhoneiros, bem como as proximidades das eleições tem contribuído para a geração de maiores incertezas no cenário econômico e político", complementa o presidente.
Compartilhe

0 Comentários

Escrever Comentário



(não será divulgado)







 
© 2009 MS NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados