Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017
Início / Notícias / Policial
Fonte:
10 de novembro de 2017
Caseiro de 61 anos é amarrado, torturado e morto em fazenda de MS
Postado por Jessica Silva

 

A vítima, Flori Pereira Balta, de 61 anos e o carro encontrado queimado próximo ao corpo. (Fotos: A Gazetanews)

A Polícia Civil local está investigando o assassinato brutal de um capataz de fazenda de 61 anos, crime ocorrido no decorrer dessa quinta-feira, 9 de novembro, em Amambai.

O crime aconteceu em uma fazenda situada às margens da Rodovia MS-386, também conhecida como “Estrada do Bila” ou “Estrada Velha de Iguatemi”, a cerca de 30 quilômetros da cidade de Amambai.

Flori Pereira Balta teve os pés amarrado com um cinto de couro em uma cerca de arame liso a aproximadamente um quilômetro da casa onde morava na propriedade rural e foi assassinado, segundo levantamentos preliminares, com golpes de paulada na cabeça.

Próximo ao corpo a polícia localizou um pedaço de lasca de cerca, de um metro e quarenta centímetros suja de sangue, que supostamente foi a arma utilizada para cometer o assassinato.

Distante cerca de 200 metros de onde o corpo de Flori foi localizado a polícia encontrou um Fiat Uno totalmente queimado, que a polícia vai apurar se tem ligação com o crime e o carro da vítima, um pick-up Fiat Strada cor vermelha, foi encontrado atolado em um areão a cerca de 800 metros de onde o corpo foi localizado.

Segundo um funcionário da propriedade rural ouvido pela polícia, Flori Balta teria sido visto com vida pela última vez por volta das 11h dessa quinta-feira. O corpo foi localizado no período da noite.

A polícia trabalha com todas as hipóteses, inclusive não descarta latrocínio (roubo seguido de morte).

Na mesma região da fazenda onde a vítima residia e foi assassinada, já havia sido registrado um caso furto ocorrido na noite do dia anterior.

 

A Gazeta News

Compartilhe

0 Comentários

Escrever Comentário



(não será divulgado)







 
© 2009 MS NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados